Animais

Cuidados com o bico e as pernas dos nossos pássaros

Pin
Send
Share
Send
Send


Há algum tempo, dedicamos um artigo às unhas de cães e gatos e agora chegou a hora de dedicá-lo aos nossos passarinhos (canários, periquitos, periquitos, papagaios, etc.)

O crescimento excessivo do bico de nossos pássaros é algo que muitas vezes passa despercebido para os proprietários, mas se torna um problema sério, pois o pássaro chega em um momento em que há grandes dificuldades para levar a comida, o que implica.

Se alguma vez notarmos que o bico da nossa ave, especialmente a parte superior, está muito inchado, mesmo impedindo a abertura total, ou se nossa ave parar de comer, mas vemos que vai para o alimentador, certamente teremos esse problema. Às vezes, quando o problema leva tempo, o pico acaba se deformando e as partes superior e inferior se movem lateralmente como uma tesoura e é um processo irreversível.

O que podemos fazer? Como profissional, recomendo que você o leve ao veterinário, para verificar se há realmente um problema de crescimento excessivo do bico e, se necessário, prosseguir com o corte, que é feito com cuidado e tentando não cortar mais do que preciso e não causa sangramento. Anexei uma foto para você ver.

Uma vez feito o corte, podemos colocar as coisas difíceis em nosso pássaro para bicar e usar o bico ou, se não, visitar periodicamente o veterinário para apará-lo antes que os problemas apareçam.

Quanto às unhas, acontece o mesmo que em cães e gatos. Eles crescem em excesso, são incorridos e impedem que nosso pássaro se apegue aos gravetos ou à gaiola, além do fato de que as unhas podem grudar na pata e causar uma infecção.

Cortar unhas é como cães e gatos. Como são mais finas, é mais fácil ver para onde está indo a irrigação, para não causar sangramento. Também anexei uma foto disso. Em aves com problema de crescimento excessivo de unhas também devem ser cortadas periodicamente para evitar problemas.

Se ocorrer sangramento no corte do bico e das unhas, podemos contê-lo com uma bola de algodão com peróxido de hidrogênio e pressionar por um tempo até que ele pare de sangrar.

Para fazer o corte do bico e da unha podem ser usados ​​pequenos tenacitas (dependendo se é um canário ou um papagaio) ou os cortadores de unha que são expressamente para isso.

Manuel Olivares, veterinário da Clínica OLIVARES e do haveterinario.info

Pin
Send
Share
Send
Send